slideshow 1 slideshow 2 slideshow 3 slideshow 4 slideshow 5 slideshow 6 slideshow 7 slideshow 8 slideshow 9 slideshow 10 slideshow 11 slideshow 12 slideshow 13 slideshow 14 slideshow 15

Artigo: Parcerias público-privadas: o que o Brasil pode aprender com o Reino Unido?

Recentemente, o Parlamento britânico, por intermédio de sua comissão dedicada às questões fazendárias, publicou relatório com recomendações sobre o programa de parcerias público-privadas (PPPs) daquele país (denominado Private Finance Initiative – PFI).

Federação da Indústria Britânica defende reformas para o programa de PPPs do Reino Unido

A Federação da Indústria Britânica (Confederation of British Industry - CBI) publicou relatório em que defende aprimoramentos no programa britânico de PPPs.

Atualmente, o governo do Reino Unido está repensando seu programa de PPPs e vários atores interessados estão se organizando para contribuir com ideias e sugestões. 

Governo do Estado de São Paulo estabelece novas regras sobre PMI

O Governador do Estado de São Paulo estabeleceu, por decreto, novas regras a respeito da utilização do procedimento de manifestação de interesse (PMI).

A expectativa do Poder Executivo Estadual é que as novas regras permitam que o projetos de PPP sejam estruturados de modo rápido, econômico e transparente.

Texto para discussão: "Condições favoráveis e dificuldades para envolver participação privada em infraestrutura no Brasil"

Mauricio Portugal Ribeiro, chefe do departamento de consultoria em Infraestrutura para o Brasil da International Finance Corporation (IFC, o braço financeiro privado do Banco Mundial), recentemente publicou texto para discussão a respeito do cenário favorável e dos desafios para o maior engajamento de investimento privado em infraestrutura no Brasil.

O texto apresenta um diagnóstico interessante sobre os obstáculos que impedem o maior desenvolvimento das PPPs no Brasil. 

Leilão do Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante termina com ágio de 228,82%

O consórcio Inframérica é o vencedor do leilão de concessão para construção parcial, manutenção e exploração do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante (ASGA), localizado em São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte (RN). O Leilão nº 01/2011, realizado hoje, 22/08, pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) na BM&FBOVESPA, concedeu o primeiro aeroporto federal à iniciativa privada pelo lance de R$ 170 milhões. 

Desenvolvido em Drupal por Garcia & Rodrigues